• Redação

Mindset digital: habilidade crítica em empresas de tecnologia que pode ser um diferencial importante


mindset-digital

Mesmo empresas de tecnologia podem ter dificuldade de desenvolver mindset digital entre seus (suas) colaboradores (as), especialmente os(as) que atuam em setores que não lidam tão diretamente com esse recurso, a exemplo do pessoal do marketing, RH, entre outros departamentos administrativos.


Aqui, é preciso partir do princípio que a tecnologia não deve ser utilizada apenas como meio de criar produtos e/ou serviços inovadores para o público-alvo para, com isso, conseguir se destacar no mercado e elevar o volume de vendas.


Quando se fala em mindset digital, estamos nos referindo a uma maneira de pensar alinhada com a transformação digital pela qual os segmentos econômicos estão passando. Trata-se, portanto, de saber como usar os recursos tecnológicos atuais também como ferramentas de criação de oportunidades.


Nesse contexto, espera-se que os (as) profissionais tenham atitudes e comportamentos que os permita ver o meio tecnológico como um caminho para a expansão do seu trabalho e, consequentemente, da empresa.


Entretanto, assim como todas as mudanças propostas — as quais, na maioria das vezes, são necessárias para acompanhar o que está acontecendo no mercado — o desenvolvimento da mindset digital pode ser algo demorado e com desafios a serem enfrentados, começando pelo papel das lideranças nesse processo.


O papel das lideranças na implementação da mindset digital

Considerando que mindset digital é uma maneira de pensar que orienta uma pessoa a comportamentos e tomadas de decisão tendo como base a tecnologia, é preciso que os (as) funcionários (as) estejam motivados (as) tanto para aprender novas habilidades quanto para conseguirem identificar oportunidades de crescimento nesse contexto. E não existe forma mais adequada de chegar a esse resultado que a partir dos (as) líderes.


Líderes com mentalidade digital entendem que não basta se adaptarem às mudanças geradas pela transformação digital, mas, sim, serem verdadeiramente profissionais adaptáveis às alterações e transições que surgem.


A partir desse entendimento, cabe a quem está direcionando as equipes identificar os fluxos de trabalho, bem como possíveis obstáculos que possam impedir os (as) colaboradores de adotarem essa nova postura digital.


Quanto a como transmitir essas percepções para os (as) liderados, quem está em um cargo de chefia pode:

  • aumentar percepção de importância desse processo;

  • desenvolver a confiança dos (as) funcionários;

  • identificar influenciadores na equipe;

  • alinhar as ferramentas digitais às necessidades do time;

  • promover o aprendizado contínuo.

Aumentar percepção de importância desse processo

Se não há compreensão de importância, pode se tornar um tanto complicado conseguir que uma pessoa “abrace” uma proposta, especialmente se essa vier com mudanças significativas.


Por conta disso, gestores precisam conscientizar seus (suas) colaboradores sobre o valor e a relevância da mentalidade digital por meio de orientações, direcionamentos, projeções de resultado, entre outras estratégias e recursos relacionados.


Também é bastante interessante deixar claro quanto a contribuição de cada um é essencial para a implementação desse conceito, e quanto essa participação pode ajudá-los individualmente no crescimento profissional, na evolução do time e da empresa como um todo.


Desenvolver a confiança dos (as) funcionários

Contratar pessoas que já têm essa habilidade bem desenvolvida, em um primeiro momento, pode parecer o caminho mais fácil. Mas é preciso considerar também que aquisição de talentos é outro desafio pelo qual as companhias passam.


Somado a esse fator, desenvolver os talentos que já estão na base é uma forma de contribuir para a retenção desses (as) profissionais.


Dito isso, também cabe aos (às) líderes criar um ambiente que aumente a confiança dos (as) profissionais para dividirem experiências, ideias, conceitos e propostas com o propósito de fomentar a mentalidade digital do time.


Dica de leitura: “Qual é o papel da liderança no conceito de segurança psicológica?”


Identificar influenciadores na equipe

Uma forma de chegar ao resultado anterior é identificar, no próprio time, pessoas que já tenham uma mindset digital desenvolvida e que possa influenciar positivamente os (as) demais membros da equipe.


Esse (a) profissional mais consciente quanto a importância desse processo também pode ser um (a) importante aliado (a) para reconhecer as dificuldades dos (as) colegas e pontos de ajustes na estratégia que podem contribuir para aumentar a adesão.


Alinhar as ferramentas digitais às necessidades do time

Obviamente, de nada adianta desenvolver uma mentalidade digital na empresa se as soluções tecnológicas oferecidas não estiverem de acordo com as necessidades de cada setor e com o propósito da empresa.


Sobre isso, o sugerido é que líderes, gestores e TI se juntem para analisar as funções e, dessa forma, identificar quais são as melhores e mais apropriadas ferramentas digitais para o negócio.


Promover o aprendizado contínuo

E no que se refere à necessidade de manter os (as) funcionários (as) motivados, é essencial ter em mente que esse processo de implementação de uma mentalidade digital é contínuo. Aqui, entramos em outro conceito, o lifelong learning.


Assim como as mudanças tecnológicas são constantes, o aprendizado deve seguir essa linha, destacando que estar em constante atualização de conhecimento é também uma forma de manter o interesse das pessoas em algo.


Nesse ponto, o lifelong learning entra como parte da estratégia para mostrar aos (às) profissionais que não basta aprender sobre uma ferramenta e/ou solução hoje e não se aprimorar depois.


Quanto mais novos conhecimentos são adquiridos, melhor para a evolução de cada um, bem como para conseguir descobrir diferentes meios de aplicar a tecnologia e de criar oportunidades.


Não deixe de ler este artigo: “A importância de nunca parar de aprender e 5 lições que trouxe de Harvard sobre pessoas


Por que desenvolver mindset digital é um diferencial competitivo

Após todas essas informações, é bem provável que você esteja pensando por quais motivos desenvolver mindset digital pode ser um diferencial competitivo para o seu negócio.


Entre os motivos mais importantes do desenvolvimento dessa habilidade para o crescimento de uma empresa estão:

  • profissionais com essa mentalidade tendem a ser mais bem-sucedidos em suas funções, o que os deixa mais satisfeitos com o trabalho, aumentando também as chances de conquistarem promoções;

  • líderes conseguem elevar suas capacidades de formarem times fortes, flexíveis, adaptáveis às mudanças e com foco no sucesso da equipe e da companhia;

  • já os negócios, propriamente ditos, reagem de maneira mais rápida e potencialmente positiva às transformações do mercado no qual estão inseridos. Também aumentam as chances de aproveitar melhor novas oportunidades.


Mas assim como dissemos logo na abertura deste artigo, alguns desafios precisam ser enfrentados para a implementação de uma mentalidade digital.


Duas abordagens que podem ser utilizadas para mitigar esses obstáculos, bem como diminuir a resistência que pode ser apresentada por alguns (as) profissionais no início desse processo são:

  • identificar com precisão quais são os sistemas e ferramentas tecnológicas mais adequados para a empresa, de modo a evitar necessidade de mudanças ao longo da implementação, o que pode desmotivar os (as) colaboradores;

  • elaborar uma cultura organizacional digital robusta, que deixe claro a importância desse conceito para todos.

Para mais conteúdos como este, assine agora mesmo a newsletter do Movile Orbit e receba quinzenalmente no seu e-mail todos os destaques.


 

Redação | Movile Orbit