• Redação

Entrega expressa no Brasil: quais são as oportunidades e desafios da área?


entrega expressa no brasil

Parte do crescimento do setor logístico, a entrega expressa no Brasil tem se destacado por permitir o envio de compras online para os clientes em espaços de tempo curtíssimos, especialmente no mesmo dia da aquisição.


Com o crescimento do e-commerce nos últimos anos, essa prática se tornou essencial para melhorar a experiência dos clientes e para atender de maneira mais pontual e precisa suas expectativas e necessidades.


Uma prova dessa constatação vem da pesquisa "Global Consumer Insights Pulse Survey 2021", da PwC, a qual revelou que serviço rápido e confiável é o critério mais considerado pelos consumidores na hora de decidir por uma compra online, o qual foi apontado por 49% dos participantes.


Embora bastante promissora, a entrega expressa no Brasil tem alguns desafios a serem enfrentados, tais como a realização de uma logística realmente eficiente de frotas e a utilização de soluções tecnológicas atualizadas e modernas voltados para esse setor.


No entanto, ainda que existam entraves como essas, é preciso considerar que boa parte do sucesso de uma empresa que trabalha com comércio eletrônico vem da experiência de entrega do produto vivenciada pelo cliente.


Vantagens da entrega expressa

A entrega expressa é um processo logístico que permite o envio mais rápido dos produtos vendidos online.


Somente com a explicação sobre o conceito, já dá para ter ideia de quais benefícios esse sistema pode trazer para empresas e clientes.


Além de atender às expectativas dos consumidores, que buscam por um serviço de comércio eletrônico mais rápido e confiável, conforme mencionado na pesquisa da PwC que citamos, outras vantagens que se destacam são:

  • potencial de aumento nas taxas de atração e fidelização dos clientes;

  • acréscimo de um diferencial competitivo para o negócio.

Potencial de aumento nas taxas de atração e fidelização dos clientes

O público que compra em comércios eletrônicos quer ter os produtos adquiridos nas mãos no menor espaço de tempo possível. Por conta disso, além do preço do frete, um dos critérios avaliados para efetivar a aquisição é o tempo de entrega.


A partir do momento que um negócio adere à entrega expressa no Brasil, a tendência é que ele se torne mais interessante para os consumidores, que passam a identificar aquela marca como a que trabalha com prazos de entrega que atendem às suas necessidades.


Essa estratégia não apenas ajuda a atrair novos clientes, como também se torna uma boa razão para aqueles que já estão na base se manterem fidelizados.


Acréscimo de um diferencial competitivo para o negócio

Seguindo esse mesmo princípio, trabalhar com um sistema logístico de entrega expressa confere um importante diferencial competitivo para o negócio, visto que o coloca à frente da preferência do público em comparação às empresas que não atuam dessa maneira.


Como resultado, além de chamar a atenção dos clientes e de potencializar as vendas, a companhia se destaca também perante possíveis investidores(as), por dois motivos principalmente:

  • por adotar no seu modelo de negócio conceitos atualizados e modernos que vão ao encontro do que o público-alvo espera;

  • por aumentar o potencial de lucratividade do negócio, que é um dos mais importantes critérios analisados pelos investidores(as) para tomadas de decisão.

Desvantagens desse modelo logístico

Mas ainda que gere diversos resultados positivos, esse modelo logístico apresenta algumas desvantagens que, dependendo do porte da empresa, pode torná-lo inviável.


Os dois desafios que mais se destacam nesse cenário são:

  • garantia de disponibilidade do produto em estoque;

  • contar com centros de distribuição bem localizados.

Garantia de disponibilidade do produto em estoque

Em um modelo de gestão no qual o produto é enviado em um curto espaço de tempo — por vezes no mesmo dia da compra —, uma boa gestão de estoque se torna imprescindível.


Vender algo que não está mais disponível compromete o relacionamento com o cliente e a imagem da marca. Por motivos como esse, antes de adotar um sistema de entrega expressa no Brasil, é bem importante implementar recursos tecnológicos que aprimorem a gestão de estoque e evitem falhas como essas.


Contar com centros de distribuição bem localizados

É dos centros de distribuição que saem as mercadorias que serão entregues aos consumidores. A desvantagem, nesse caso, que também pode ser vista como um desafio, é encontrar pontos estratégicos que permitam o envio dos produtos em prazos tão curtos.


Oportunidades e desafios da entrega expressa no Brasil

E por falar em desafios, outros que impactam negativamente na adoção mais ampla da entrega expressa no Brasil são a falta de infraestrutura de ferrovias e estradas, bem como a dependência e os altos custos do modal rodoviário.


Entretanto, tem outro que chama ainda mais atenção: a falta de desenvolvedores no mercado de trabalho.


De acordo com dados da Brasscom, Associação das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e de Tecnologias Digitais, a estimativa é que as empresas de tecnologia, em geral, precisarão de 797 mil talentos entre 2021 e 2025.


Porém, o número de pessoas formadas na área, por ano, é consideravelmente menor que a quantidade de vagas que podem ser abertas — apenas 53 mil pessoas se formam anualmente. Isso gera um déficit de 106 mil talentos por ano e 530 mil em cinco anos.


Ainda que não seja pontualmente para tecnologia logística, essa falta de profissionais qualificados afeta indiretamente o crescimento desse segmento e o desenvolvimento de novas soluções.


Uma maneira de resolver esse cenário — que pode, inclusive, gerar uma oportunidade de negócio para startups — é a adoção de um recurso tecnológico chamado no-code, que em português significa "sem código".


Uma solução com essa base permite que aplicativos e ferramentas sejam desenvolvidos sem a necessidade de programação. Trazendo isso para o setor logístico, consiste em viabilizar que os profissionais da área, mesmo sem conhecimento técnico de TI, criem soluções customizadas para a empresa.


Crescimento segmento logístico no Brasil

Segundo dados da SDS Properties, associada da Associação Brasileira de Logística (Abralog), e da Fulwood, incorporadora de galpões e condomínios logísticos, divulgados em uma matéria do site CNN Brasil, o mercado de aluguel de galpões e condomínios logísticos teve um crescimento de 348% no segundo trimestre de 2022.


Essa expansão, decorrente do crescimento do e-commerce, resulta em um recorde histórico para o segmento.


A procura dos comércios eletrônicos por centros de distribuição têm por objetivo aprimorar as entregas, resultando em operações mais eficientes, livres de falhas e em pouco tempo.


Essa é uma das vertentes da logística no Brasil que mostra quanto esse setor está crescendo. Em cenários assim, comumente novas lacunas se abrem, gerando a necessidade de se criar soluções, produtos e serviços para suprir essas demandas.


Por isso, empreendedores que visam crescer nesse segmento precisam acompanhar essas mudanças, visto que isso ajuda na geração de bons insights para formação de modelos de negócio eficientes e promissores.


No Movile Orbit você fica por dentro de tudo o que acontece no mundo das startups. Assine a newsletter agora mesmo e não perca nenhum conteúdo!


 

Redação | Movile Orbit